sábado, 22 de Novembro de 2014

Major Lazer - All My Love [Audio]


Ás vezes a minha irmã consegue surpreender-me e mostrar-me músicas de que venho eventualmente a gostar.


Falar Ou Não Falar

Se há coisa que me deixa possesso é ouvir o meu pai a mandar-me perguntar 1001 coisas que não lhe dizem respeito de forma a que eu faça as mesmas perguntas aos meus patrões. Tudo para no final me dizer:

" - Ai deixa estar, não perguntes que eles podem ficar chateados...".

Se a cobardia é assim tanta, só o facto de abrir a boca devia ser merecedor de um Nobel da valentia.

quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

Uma Novidade Na Minha Vida Amorosa!

Esta é uma altura em que eu devia morder a língua, e repetir mil e uma vezes o dizer de " nunca digas desta água não beberei". Estou eu há três dias a falar dele em "O Complexo Da Velhice" para no dia seguinte combinar sairmos e hoje, voilá,o nosso, vá, terceiro encontro [o segundo foi no meu local de trabalho, nem devia contar]. God, estava a ver que ia acabar o ano sem novidades, brindemos a isso.


Estávamos com longos casacos pretos a condizer e tudo, how cute is that?


Vamos todos parar um bocado para reflectir no facto de eu não fazer a mínima ideia de qual era o nome dele, varreu-se-me completamente, até que ele o utilizou num exemplo hipotético e eu aproveitei a deixa, para não me voltar a esquecer! 

Lembrou-se de me mostrar uma foto sua numa corrida qualquer e ia tendo uma epifania, parecia-se com um Professor de Cultura Clássica que tive na Universidade. 
E isso não foi nada bom de se dizer, diga-se de passagem por que esse Professor era feio até dizer chega e este meu amigo, bem, you know...

Soube que ele, afinal, consegue ser ainda mais velho do que os meus pais, ok, não é que me incomode, só é um bocadinho, hum, creepy... 


Enquanto estávamos a tomar café, a falar sobre livros e afins, dizia-lhe eu que andava com muita dificuldade em encontrar "Os Miseráveis" de Vitor Hugo à venda, ou não encontrava ou encontrava a preços exorbitantes. Nisto, ele levanta-se de rompante e diz-me, com ar de poucos amigos "Anda, despacha-te!"


" Olha fizeste uma bela cagada, ainda não se passou meia-hora e o homem já se quer ir embora!" - pensei eu... Isto por que entre os nossos múltiplos temas de conversa já tinhámos falado umas três vezes de eu ter de ir comprar salmão ao Pingo Doce e eu já tinha medo de ter dito mil e uma porcarias para afugentar aquele homem...

" - Vamos a minha casa num instante antes de eu ir trabalhar, eu tenho lá o livro e empresto-to..." - foram estas as palavras que saíram da boca dele.




Sei que a maioria das pessoas fica sempre de pé atrás, mas vá ele não me ia fazer mal nenhum, não me ia comer nada que nunca me tivessem comido... Plus, eu já saí com um talhante do Pingo Doce, que me podia ter todo um sortido de facas na cozinha e saí de lá vivo! [o pior encontro da minha vida, e chega!] .

Já em casa dele, vira e revira, livro de grilo... 

Eu: " - Que pena, ia usar a desculpa de te entregar o livro para te ver outra vez mas parece que já não vai dar..."

" - Não te preocupes que a gente vê-se antes do fim-do-ano".

" - Olha que eu faço anos logo no início do ano, por isso é bom que estejas a falar a sério!"




Enquanto íamos embora, de volta ao metro, ele continuava na insistência de trautear o "I'm A Baby Girl" dos Aqua, mais para me arreliar do que por outra razão então eu decidi ensinar-lhe a versão da Kelly Key. Para maluco, maluco e meio.

" - Não te preocupes com o facto de eu poder vir a bater-te à porta a meio da noite um dia destes, é que eu não faço a mínima ideia de onde estou!" - confessara-lhe eu minutos antes de lhe ensinar a música. Eu sabia em que zona da cidade estava, mas nunca tinha andado por onde a gente andou... Com tiradas destas não admira que eu ainda continue solteiro... God...


No metro, demos de caras, na outra carruagem, com um colega do meu trabalho, acenei-lhe apenas. Espero que ele não vá dar com a língua nos dentes, não sem antes passar uma vergonhosa aula de Francês com ele. Por duas ou três vezes apeteceu-me espancá-lo, não no sentido porco da coisa, se é que me entendem...

No final, ficou a promessa de nos voltarmos a ver antes do fim do ano, já nos falámos outra vez hoje, pode não ser o Hugh Jackman mas interessa-me mais do que pela simples parte física. E isso hoje em dia, é um achado. Plus, não tem pressa de me levar para a cama, não sei se isso é bom ou mau. Deve ser bom, não?
Off now...

Mais Compras

Já não ia à Piranha há quase um ano, para não parecer que vou lá só para meter nojo, trouxe mais alguns cds marotos. Comprei também mais um livro do Allan Poe :) Foi a primeira vez que comprei algo num alfarrabista, a ver se repito por que encontrei lá muita coisa interessante. Os cds:





quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

As Reservas De Chocolate Estão A Acabar

Esta informação super pertinente é-me dada por quase todas as gajas que não conseguem fazer nada sem estarem a comer uma tabelete de chocolate, estudar, ver televisão, defecar...


Se o chocolate está a acabar é por causa de pessoas como vocês, DAMN YOU!

Eu Preciso De Dormir!


Nunca fui pessoa de dormir até ao meio-dia, mas sempre gostei de estar na cama, ainda para mais com o frio que tem estado. Depois de meses a acordar às seis e meia da manhã seria bom aproveitar o quentnho nem que fosse por mais uma hora. Seria, por que pelos vistos, não é. 
Dou por mim sem sono nenhum às onze e tal da noite, hora a que costumo ir dormir, trabalhe ou não, e hoje, por exemplo, eram cinco e tal da manhã e já estava acordado, dei voltas e voltas na cama, dei conta de o meu pai sair para ir trabalhar e só depois é que vim para aqui , para não parecer muito agarrado...

terça-feira, 18 de Novembro de 2014

Não Há Coincidências

O meu pai trouxe-me o "100 Anos de Solidão" de Gabriel García Márquez...
Só o nome do livro foi o suficiente para me deixar deprimido... Parece o título da história da minha vida...


Winter Is Back!


Ainda hoje ao almoço o Semhor meu pai se queixava do frio. Só me apetecia bater-lhe. O frio é tão bom... Digo isto por que ainda não fui trabalhar para a beira-rio com estas temperaturas. Provavelmente irei congelar antes de poder vir aqui dizer-vos o quão frio está por aquelas bandas. Mas, enquanto estiver em casa, o Inverno é a minha estação favorita, e estes dias gelados aquecem-me a alma. Aquecem-me tudo menos as mãos, ando sempre com as mãos frias. No entanto, vocês já devem ter ouvido o que se diz sobre as pessoas que têm as mãos frias: " mãos frias, coração quente, amor para sempre!" . Não que eu acredite muito nisso, visto que ainda continuo solteiro [bom rapaz é que nem por isso].

segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

O Complexo Da Velhice

Hoje, pela enesima vez, pus-me a falar com aquele senhor do café. Pela última vez, se depender de mim.
Quando vemos um perfeito espécimen que ainda não tenha companhia, no que a mim me diz respeito, a primeira coisa que nos vem à cabeça não é "que desperdício" mas sim "se até agora não arranjou alguém até agora, então há algo de errado que me está a escapar". Hoje descobri o que me estava a escapar em relação ao senhor. Pelos vistos tem trauma por as pessoas lhe chamarem velho e desde então tenta fazer de tudo para não se sentir velho por que, ele não é um velho.


Ele não é velho, para a esperança de vida que se tem actualmente a idade dele está longe de ser considerada parte da terceira idade, mas esta atitude é deveras, ridícula. "Estás a ladrar para a árvore errada" - disse-lhe eu. Ele preocupar-se com o facto de as pessoas o acharem feio é o mesmo que eu me preocupar com o facto de as pessoas me acharem feio. Eu não ficarei mais bonito nem ele ficará mais novo. Só nos resta procurar alguém que nos ache menos velhos e menos feios respectivamente. Mas acho que ele já não vai ser "o meu mais velho" por que depois da conversa de hoje à tarde fiquei a duvidar muito da maturidade do Senhor.

Katherine Jenkins - Dreaming Of The Days [Video]

domingo, 16 de Novembro de 2014

Fangirling So Hard Right Now



FINALMENTE estou a ouvir este álbum. Acho que não há GIF algum que consiga expressar o que um álbum composto por um dos elementos de Samael e executado pela Orquestra Filarmónica e Coro de Praga me está a fazer neste momento. Pareço uma daquelas fãs histéricas de "The Hunger Games"...

sexta-feira, 14 de Novembro de 2014

Eu, Técnico De Televisores

A nossa box do Meo foi desta para melhor. Bateu as botas, finito, se acabó...  E pelos vistos não havia ninguém capaz de configurar o TDT no novo televisor da sala. Isto por que os Senhores meus pais compraram um televisor, os técnicos vieram cá, configuraram o MEO e adeus, até logo. E aqui o Logan Mãozinhas é que tem de salvar as hostes. Depois de andarmos para trás e para a frente com as opções daquilo, de termos ligado para o apoio a clientes da Worten, a ver se conseguiam mandar um técnico, eis que eu me atrevo a fazer mais umas experimentações, e voilà, aquela porcaria está a funcionar.

[dramatização]:

" - Ai filhinho do meu coração. que tu és tão esperto até soubeste programar isto e tudo..."


" - É não é? Mas quando não conseguia já estavam todos a olhar para mim de lado, como se eu tivesse obrigação de saber programar televisores..."
" - Ai não filhinho lindo não..."


Vou mas é ouvir o novo álbum ao vivo dos Within Temptation...

quinta-feira, 13 de Novembro de 2014

Mixórdia De Temáticas

Não me tinha apercebido do quanto estava a precisar de férias, agora vejo-me cinco dias em casa e parece uma festa, isto para quem só tinha dois dias de folga por semana... Embora estes dias me lembrem sempre da temporada que passei em casa sem trabalho a verdade é que a minha cama me sabe muito bem quando estou de consciência tranquila.


Com o tempo que tem estado, ainda melhor me sabe a cama, só por me lembrar que poderia ser eu a estar a trabalhar com esta chuva toda. Não que deseje mal algum aos meus colegas, mas antes eles do que eu né?


Ainda me dizia o Senhor meu pai: " - Tu podias ir até ao Porto ir ao cinema ou assim..."
Claro pai, gastar uma pipa de massa e apanhar uma molha monumental, como se eu não apanhasse molhas que chegue quando vou trabalhar...


Tenho andado a ver se encontro filmes de jeito para ver. Do que já procurei, não entendo que porcarias é que esta gente andou a ver nos cinemas nos últimos meses. Não arranjo filme que me prenda, embora já tenha visto um ou outro que valeram a pena... Tenho aqui a sequela do "300", aquele filme que uma pessoa só vê para poder apreciar homens musculados em cuecas durante uma hora e meia. E pelo pouco que vi da sequela, vai pelo mesmo caminho. Não me posso queixar muito.


Comecei a "dar-lhe forte" no "Segredo Dos Tudors", o livro tem-se revelado interessante, a ver se o acabo antes das férias, senão terei de terminá-lo no café ou na camioneta ao invés de aproveitar o quentinho dos cobertores...


Comprei umas quatro ou cinco latas de Pringles na American Store no seguimento de outras que tinha comprado a semana passada, os norte-americanos são uns sortudos por terem aqueles sabores todos esquisitos enquanto que nós aqui só temos os mais básicos. Verdade seja dita, que ao fim de meia dúzia de sabores diferentes aquilo acaba por saber tudo ao mesmo mas enquanto não se esgota o factor "novidade" sabem muito bem!


Queria ir visitar a Susana a Aveiro antes do final do mês mas se se mantiver este tempinho parece que o destino mais longínquo para onde me irei aventurar é mesmo a Ribeira...

terça-feira, 11 de Novembro de 2014

Uma Sorte Dos Diabos

Hoje perdi a carteira, com tudo lá dentro, dinheiro, documentos, enfim... Mal dei por ela corri para a loja onde tinha estado. Por sorte os empregados deram logo com ela junto à caixa registadora e já estavam com o meu recibo de vencimento na mão para ligarem à empresa.  Ando numa maré de perder coisas que Deus me livre...